quinta-feira, 28 de abril de 2011

Carros

'
Cenário para decoração de
festa infantil com tema 
Carros da Pixar.


Pintado à mão em algodão cru,
com gliter na tinta.

video

painel festa infantil cenário decoração balões animação decoração barato gratis melhor ótimo disney patati patata circo moranguinho tudo gospel aniversário menino menina bebe

segunda-feira, 25 de abril de 2011

Sem Nexo

Parte 9 de 23  

Capítulo 18

Voltamos até a fonte onde bebemos a água encantada. Agora estávamos com nossas formas originais.

Eu, um simples homem; Júlio César, uma lesma; e Cor-de-rosa, uma mosca varejeira.

      - César, estou muito cansado, vou me sentar um pouco...
      
      - Ei, cara! Sai de cima de mim!
       
      - Ãh, o quê? Quem disse isso?

      - Eu, seu idiota! A pedra que você sentou em cima.
      
      - Desculpe, amiga pedra.
      
      - Amiga pedra, o escambal! Vocês vem lá do mundo real pro surreal e começam a tropeçar em tudo!

      - Eu heim!? Que cara mais chato. Vamos turma. Este sujeito é muito estressadinho.
      
      - É, vai andando mesmo!

Andamos contando os passos que fugiam do chão a todo momento.
       
      - Pô, tô muito cansado.

Digo eu.
      
      - É... eu também, âââ...

Disse o lesma , bocejando.
      
      - E pelo visto a varejeira também.
      
      - Zzzz...

Caminhamos até adormecemos em pé.

 Parte 8        Início        Parte 10

sábado, 23 de abril de 2011

Dicas Adicionais

Dicas adicionais pra quem encontrou dificuldades em seguir blogues.

Caso o blog que você deseja seguir não tenha o widget Seguidores, este que mostra o botão "Seguir".


Você poderá clicar lá em cima da página, no  lado esquerdo da barra do Bloguer onde também aparece a opção "Seguir"


Caso esta barra não esteja visível, vá até o teu Painel.

Teu Painel está em http://www.blogger.com/

Procure pelo botão "Adicionar", que fica no canto inferior esquerdo do teu Painel.


Cole o endereço do blogue (URL) que deseja seguir.

Ex: http://bissigoricco.blogspot.com/
ou www.bissigoricco.blogspot.com

'

quinta-feira, 21 de abril de 2011

Princesas Disney

'

Pintado à mão em algodão cru, 
com gliter na tinta.

video

painel festa infantil cenário decoração balões animação decoração barato gratis melhor ótimo disney patati patata circo moranguinho tudo gospel aniversário

segunda-feira, 18 de abril de 2011

Sem Nexo

Parte 8 de 23 

Capítulo 7

O primeiro a encarar o desafio foi Júlio César , que enfiando a cabeça num buraco disse:
      - Sonho, este buraco não é porque ele sai, acho, que na boca do amarelão.
       - E este não é, lesma. Porque dá no fundo do copo que estava me olhando no capítulo dez.
      - Este dá na narina esquerda de uma velha ovelha.

- Este, no cachimbo do mosquito esquisito em cima do cogumelo vermelho.

Após três dias procurando, estávamos muito cansados.

- Esquece, Sonho. Nunca mais sairemos deste muuuunnndooooo.....

Disse o lema escorando-se na parece e sendo sugado pelo buraco que cai pra cima.
      - Ha, ha, ha! Que legal, o lesma achou o buraco certo! Vamos varejeira, vamos logo.
Parte 7        Início        Parte 9

sábado, 16 de abril de 2011

A Música de Anos Incríveis

 '

A música de abertura de 'Anos Incríveis' é
"With a Little Help from My Friends", dos Beatles.

A versão que aparece no seriado foi gravada por Joe Cocker.

Ouçam ele ao vivo no Woodstock em 1969.



Joe Cocker (Woodstock 69) - with a little help from my friends.mp3

Rock In Rio . Supernatural  Ana Maria Braga  Xuxa Futebol Ao Vivo Chico Xavier  Shakira  SPtrans . Leroy Merlin . Sabrina Sato gostosa gratis mp3 mp4 BBB novo escandalo resultado mega sena jogos novela patati patata  pelada nua carros dinheiro filme novo sexo

segunda-feira, 11 de abril de 2011

Sem Nexo

Parte 7 de 23  

Capítulo 5

Um velho sábio de nome Ruhtra, de barbas longas, colares, anéis, capa e chapéu.
      - Por favor senhor, pode nos dar alguma informação?

Pergunto, eu.
      - Todas que quiserem.

Respondeu.
      - Sofremos mutações, como acabará este encanto?
      - Indo para a superfície.
      - Como saímos daqui?
      - Achando o buraco certo para a superfície.

Disse o velho, apontando para uma parede com milhares de buracos.
      - Mas, aí há muitos buracos!!!

Disse o lesma apavorado.
      - Como saberemos qual é o buraco certo?

Pergunto eu.
      - Não há buraco errado. Vocês poderão entrar em qualquer um destes buracos. O buraco que puxar caindo pra cima leva a superfície. Mas se querem realmente voltar a suas formas originais devem se esforçar. Lembrem -se que cada buraco leva a um lugar ou mundo diferente.
      - Então Mãos à obra! -resmungo eu- Para irmos mais rápido, cada um de nós olhara em buracos diferentes.
       - Sabe que eu até curto poder voar....

Comenta o lesma.
 Parte 6        Início        Parte 8

domingo, 10 de abril de 2011

Felicidade Urgente

'

Apresento a vocês mais um clipe de fotos produzido no Windows Movie Maker.

Este foi um pedido da amiga Madalena do Causa Albina.

As imagens são do pessoal da Associação das Pessoas com Albinismo em Mato Grosso (APAMT)


'

segunda-feira, 4 de abril de 2011

Sem Nexo

Parte 6 de 23

Capítulo 13

Eufórico o lesma começa a gritar.
      - Que legal, eu posso voar! Eu posso voar! Ah, ah, ah! Que doideira! Maior barato! Doideira total!

De tanto o Júlio César Gritar, o chão começou a tremer até abrir um buraco e deslizamos até um mundo subterrâneo onde tudo era de cabeça para baixo.

Inclusive o juízo dos habitantes daquele lugar.
      - Que legal, Sonho; as coisas caem pra cima!

Disse o lesma jogando uma pedra.

- E a chuva brota da terra em gotas coloridas.

Digo eu.

- Que barato, Sonho! Tô viajando legal, maior doideira!

Prosseguimos nossa viagem pelo mundo de cabeça pra baixo. Eu, o homem-vegetal; Júlio César, o lesma-passarinho; e Cor-de-rosa, a varejeira-caracol-elefante. Até nos depararmos com um mosquito fumando cachimbo em cima de um cogumelo vermelho.

Mosquito muito maluco que falava só coisas sem sentido.

Quando perguntei onde estávamos, ele respondeu:

- Não choveu ontem porque as vacas voaram para sempre. Além do mais as unhas crescem rua a fora, amarelas a vida inteira sem parar na esquina.

- Pelo jeito o cara não bate muito bem da cabeça, Sonho.

- Nem um pouco... Diga-me caro mosquito, como fazemos para sair deste buraco?

- As dobradiças calaram o nariz e dormiram até os ventiladores arrotarem não. Era meia noite quando as orelhas cabeçudas das pernas quadradas das velhas canseiras tardias fáceis de alcançar com a unha do dedo menor do pé esquerdo da cadeira de balanço da coruja cega.

- Já chega!!! -grito eu – Enjoado de enfrentar a trova do mosquito esquisito fumando cachimbo em cima do cogumelo vermelho no mundo de cabeça pr....

- Já chega você também, Sonho!

Diz Júlio César, o lesma filósofo e arquiteto, muito amigo meu que estava nessa louca viagem pelo mundo alucinado do nada e desconhece a ...

- Zzzz!!!¹ -zumbi a varejeira interrompendo meu relato.

- Atenção seu mosquito, me responda com sinceridade. Como voltamos à nossa forma original?


- O tijolo caiu do céu quando era dia três. Porque as vezes falta a verdade nas portas pequenas verdes do palácio oriental da China Inglesa dos nossos tempos que não se acabam por falta do sol da escuridão clara. 

      - É inútil, Sonho. Este cara não vai nos dar resposta alguma. É melhor seguirmos nossa viagem pra ver no que vai dar.
      - Tem razão, amigo lesma. Vamos seguir.

Então subi na varejeira e voamos por exatos um minuto, cinquenta segundos e dois décimos, quando avistamos outra figura naquele mundo surreal. Este era muito mais estranho porque tinha forma humana.
¹Tradução: não o que quer dizer porque não entendo o idioma das moscas
Parte 5        Início        Parte 7