quarta-feira, 28 de julho de 2010

64

'

EU andava pela rua sossegado
Quando encontrei um homem que penteava o cabelo
Me perguntou se eu trabalhava na farmácia
E porquê usava aquela guarda-pó de enfermeiro

Eu lhe disse: eu tô indo para o "Oito"
Nesta cidade escola melhor não há.
No recreio, merendamos um biscoito
E depois a gente volta a estudar

Na segunda enfrentamos um maluco
Não sabemos nem ao certo
Qual a aula que ele dá
Nesta aula ele fala de tudo!
Bororó, bico-de-pato,
Pá-da-qui e pá-di-lá.

Logo , logo temos aula com a Eliana
Que até é engraçado de assistir.
Enquanto explica, ela faz uma andança
Fala sério e depois começa a rir

O tempo passa.
Os meninos e as meninas
Esperam ansiosos
Pela aula da Cristine.

Mas que mania!
Só querem jogar volei
Mas fazer aquecimento
Eles não querem não
Entram na cancha
E começam a jogar
É só contar até três
E a bola já está no chão.

Na terça -feira
Tem muita gente que não gosta
Só porque tem de encarar
dois períodos com o velhão

Professor de matemática.
O nosso conselheiro
Que não cansa se chamar
Nossa atenção

-"Este é um aviso de irmão,
Tenha cuidado com a recuperação.
Em Janeiro faz um calorão
Vais sofrer as consequências do verão."

Não é que Seu Alípio
Está bem certo!
Meu futuro é incerto
Se eu for estudar.
Depois vou ser servente de pedreiro
Ou ter que vender raspadinhas
Pra poder me sustentar.

Depois temos aula com a Eliana,
Professora que aparece na nossa musiquinha.
Temos ciências com a Célia
Seguido por geografia com a Eloísa
Que vendeu o seu fusquinha.
Depois vem uma aula bem gostosa
Que todo mundo gosta
E ninguém complica.
Lá vem o professor Ademar
Trazendo pra gente educação artística.

Na sexta-feira, então a dose é em dobro
Vem o professor Almir
Que é um cara legal
Ele traz uma aula distraída
Com piada e coisa séria
No mais alto astral.

No sábado, às nove e vinte
Toda turma vem pra aula com o coração.
Não tem maior moleza
Que ter aula de educação física
Seguido por religião.

Às onze horas eu vou pra casa.
Tenho a tarde toda pra descansar.
No domingo eu posso jogar bola,
Olhar TV e até mesmo passear.

Tudo isto que eu te falei
Foi só pra você saber
Que eu fiz este repente em homenagem
A esta escola que só faz saber.

Bíssigo Ricco - As Neuroses do Bill
'

Um comentário:

Madá disse...

o tempo passa, o tempo voa... lembrei do meu tempo de escola agora...